Buscar
  • prcarne

Cinco curtumes do Brasil estarão na feira presencial Lineapelle, em Milão

A primeira grande feira internacional presencial com a participação de curtumes brasileiros desde o início da pandemia vai ocorrer em breve, de 22 a 24 de setembro. É a Lineapelle, em Milão, que terá cinco curtumes do país como expositores: Bolzano, Codina Peles, Courovale, Fuga Couros e Nova Kaeru. No mesmo espaço, ocorrerá a feira Simac Tanning Tech, ligada à tecnologia e máquinas para a indústria.

A participação das empresas de curtumes brasileiras tem o apoio do Brazilian Leather – projeto de incentivo às exportações de peles do país desenvolvido pelo Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

A Lineapelle será em seu palco tradicional, o espaço de exposições Fiera Milano, porém com menos expositores do que em anos passados. Se, antes, o número de empresas apresentando materiais era de cerca de 1,2 mil por edição, desta vez será em torno de 750. Respeitando restrições de viagem, há uma parcela de visitantes que deverá acompanhar o evento pelas jornadas digitais complementares à exposição física.

No projeto Brazilian Leather, a expectativa é positiva. “A última feira que nossos curtumes puderam participar presencialmente por meio do projeto foi em fevereiro de 2020. Teremos mais duas grandes mostras comerciais confirmadas em 2021 (ANPIC, no México, e ACLE, na China) e estamos prontos para o calendário intenso que virá em 2022. A Lineapelle de Milão será um marco deste novo ciclo de feiras para todo o mercado, em que buscaremos cada vez mais destaque para o couro do Brasil”, afirma Letícia Luft, gerente do Brazilian Leather. Como explica o presidente da feira, Gianni Russo, o tema central desta edição será “Imagination and re-wonder” (Imaginação e Repensar), que são conceitos-chave para o momento atual do mercado e da criação. “As pessoas querem descobrir pessoalmente os materiais, não apenas olhando para o presente, mas também rumo ao futuro”, destacou em um comunicado da feira. A força da feira, sua história e a dedicação de expositores e visitantes em dar vida novamente ao contato presencial para negócios estarão unidas à segurança e à saúde, sob todos os protocolos que estão guiando cada detalhe da organização desta edição tão especial da Lineapelle.

Sobre o Brazilian Leather - Projeto setorial de internacionalização do couro brasileiro, o Brazilian Leather é conduzido pelo Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) em parceria com a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos). Várias são as estratégias de consolidação do produto nacional em mercados estrangeiros - incentivo à participação de curtumes nas principais feiras mundiais ligadas ao ramo e missões empresariais focadas ao estreitamento de relações entre fornecedores brasileiros e compradores de outros países são algumas delas. Mais informações em www.brazilianleather.com.br


Fonte: Apex Brasil

0 visualização0 comentário