,  
   

 

Sua opinião
:: Qual é a região do Brasil que você está acessando este site? ::
 

 Ler todas as notícias

Temos 1 visitante on-line
A+ | A- | Reset
MERCADO - 12.07.17: Pressão diminui, mas viés ainda é baixista no mercado do boi gordo PDF Imprimir E-mail

Alex Santos Lopes da Silva

 

Embora a conjuntura não tenha mudado, o pecuarista siga tirando gado do pasto em função da seca e a venda de carne ainda não tenha dado resposta positiva, talvez o fato de as indústrias estarem com margens historicamente elevadas diminua um pouco a pressão sobre as cotações da arroba do boi gordo.

 

Além disso, em várias regiões, a oferta de compra do JBS, acima dos demais compradores, ajuda a manter o mercado sustentado.

 

Mas, a redução da pressão de baixa trata-se de um movimento que não pode ser encarada ainda como uma tendência para o curto prazo.

 

Em São Paulo, quase todas as empresas estão com ofertas de compra alinhadas, ao redor de R$125,50, à vista, livre do Funrural.

 

O preço do boi casado de animais castrados está, em valores nominais, 2,6% menor que há um ano. O nível de escoamento atual não permite reajustar os preços, nem mesmo, para acompanhar a inflação acumulada.

 

Fonte: Scot Consultoria
 
< Anterior   Próximo >